Como Usar a Eficácia Para Ganhar a Guerra do Marketing

Se já tem o seu site ou blog online, uma das mais importantes tarefas de todas é a sua divulgação, de forma a captar mais visitas e a dar a conhecer os seus conteúdos a tantas pessoas quanto possível.
Seja qual for o tipo de site, blog, loja online, etc, um site sem visitas é como se não existisse.
Tão simples como isto.

Não vale a pena investir muito tempo e/ou dinheiro num site muito bonito e funcional, se depois não consegue fazer com que a mensagem chegue ao seu target (ou público-alvo).
O Marketing, a par da criação de conteúdos de qualidade, são as tarefas mais importantes depois de colocar um site online.

É claro que o que acabei de dizer, pode não ser novidade para muita gente. Afinal, todos querem ter mais visitas no seu site, certo?
E as visitas, são como a saúde… nunca é demais!

No entanto, onde você pode fazer a diferença, é na escolha e implementação da melhor estratégia de marketing para o seu site.

marketing-eficaz

Claro que você pode começar a colocar o link para o seu site como um louco por todos os cantos da internet, ou fazer comentários ridículos em blogues como já aconteceu uma vez aqui no Web Marketing, mas será essa uma atitude inteligente?

NÃO!

Não, por vários motivos.

Primeiro, ao fazer comentários ridículos em blogs, o que vai acontecer, é que você vai passar uma imagem igualmente ridícula, e em vez de captar visitas, vai captar risadas de gozo e vai fazer figuras tristes.
Depois, ao espalhar o link do seu site à toa, vai certamente colocá-lo em muitos sites que não o vão ajudar em nada, pois, ou por terem má reputação junto dos motores de busca, ou pela informação estar a ser espalhada sem qualquer método ou lógica, o que vai acontecer, é que, em vez de captar tráfego, você ainda vai acabar prejudicando os seus rankings nas pesquisas dos motores de busca.

Além disso, a informação que está a ser “espalhada” não está em conformidade com nada, em muitos dos casos nem com o seu target, pois ao não existirem critérios muito bem definidos quanto à estratégia de comunicação, o resultado fica comprometido logo desde início, e mais valia ter demorado um pouco mais e ter feito as coisas bem logo desde o momento zero.

Este podia ser mais um artigo parecido ou igual a tantos outros, em que falava sobre ideias de como divulgar o seu site, mas aquilo que eu realmente pretendo com este artigo, é passar algumas dicas, para que tudo o que venha a fazer no futuro no que respeita ao marketing do seu site, seja feito de uma forma que lhe traga melhores resultados!

Então, como deve fazer o marketing do seu site?


1 – Are you talking to me?

O primeiro passo, será sempre tentar identificar e caracterizar o seu target, ou seja, utilizando (ou não) técnicas como a criação de Personnas*, o importante é ter o mais clarificado possível, quais são e como são as pessoas com quem você procura comunicar e fazer chegar a sua mensagem da melhor forma, para que seja bem recebida e esteja em sintonia com essas pessoas.

2 – Wtf are you talking about?

Tendo o seu target perfeitamente identificado, deverá estudar a melhor forma de comunicar com ele, considerando aspectos importantes como os seus hábitos, o ambiente em que vivem e os ambientes que frequentam, e utilizar a mesma linguagem que o seu target utiliza. Por exemplo: não fale com estudantes da mesma forma que fala com advogados.
A comunicação para ser verdadeiramente eficaz, tem de ser direccionada.

3 – Cheguei, vi, não percebi, fui…

Defina exactamente qual a melhor forma de identificar o seu site, o que ele trata, qual o seu objectivo, etc, de forma a permitir-lhe criar um slogan, uma descrição, um logo, assim como outros elementos identificativos, de forma clara e homogénea. Não descreva o seu site de uma forma num directório e de outra noutro site qualquer.
Nem crie uma descrição confusa ou, como já vi em alguns casos, enganadora. Isso então, é dos piores erros que se pode cometer. (mas há quem faça)

4 – I love Blended!

Agora está “na moda” o blended marketing. Soa bem, mas o que é isso?
Blended Marketing, é um conceito que assenta numa forma um pouco diferente de encarar o marketing, fazendo a integração das várias fontes e canais de comunicação para maximizar os resultados.
Por outras palavras, o blended marketing vai integrar ferramentas de várias naturezas, como as Redes Sociais, a publicidade, o offline, etc, e colocá-las em sintonia, afim de gerar e canalizar tráfego e visitas para o seu site (ou para outro sítio, se for uma campanha com um destino offline).

5 – Mais do Mesmo…

Analise o seu nicho de mercado (se ainda não o fez), e veja o que já existe.

Acha sinceramente que vale a pena criar mais um site igual a dezenas ou centenas de outros sites?
O tema pode ser o mesmo que outros, pois não é suposto você inventar a roda, mas a diferença pode estar nos conteúdos, ou na abordagem, ou na forma de publicar os esses conteúdos, ou em qualquer outra coisa.
O que realmente interessa é que você seja capaz de determinar onde e como é que pode marcar a diferença, de tal forma, que os seus visitantes vejam e percebam essa diferença como a mais-valia que ela, de facto, é.

* Sobre este assunto irei publicar um artigo brevemente.

Embora tenha abordado termos e conceitos de marketing um pouco mais técnicos, tentei passar a mensagem de forma clara. No entanto, gostava muito que me dissesse se há algo que não seja 100% claro para si, ou se gostava que explicasse melhor algum dos conceitos que falei em cima.

GOSTOU DESTE CONTEÚDO?
ASSINE GRATUITAMENTE E RECEBA TODOS DICAS NO SEU EMAIL!

A sua privacidade é garantida a 100%!
  • Joao, interessante o seu texto de hoje.

    Eu ainda não havia ouvido falar do termo “Blended Marketing”, mas ele é realmente muito necessário, sendo que, no Análise, eu dou foco principal à:

    Redes Sociais
    SEO
    Divulgação por comentários

    Sobre o “mais do mesmo”, realmente é algo que se deve considerar. Eu optei por seguir à risca esta frase com o Análise, e aconteceu que só agora estou podendo tirar os benefícios dessa luta, que já dura quase 1 ano!

    Um abração e sucesso!

  • Olá João!
    Sabe que não entendo mesmo de marketing, mas acho que vou aprendendo na prática, né?
    Fiquei curiosa a respeito do blended Marketing. Quanto ao item 2 gostaria de saber como descobrimos qual a melhor forma de se comunicar com o nosso target, nesse caso diz somente a forma de expressão, ou seja, que tom irei usar no blog, ou também em como chegar até ele, através de anúncios, newsletters, essas coisas?
    Tenho muito o que aprender ainda, aguardo o post sobre ‘personas’.
    Um abraço!
    .-= O meu último artigo : Tempo para reorganizar =-.

  • João
    è muito difícil criar uma estratégia de marketing, quando não se sabe o que se está “a vender”, ou o que se quer.
    Assistimos vezes demais ao aparecimento de blogues e de pseudo-bloggers, cuja única intenção é a de ganhar dinheiro fácil. O que como sabemos é algo que não existe.
    Depois há ainda a considerar que a o primeiro passo em criar um blogue é porque se gosta, e acima de tudo se gosta do que se escreve, porque mais importante do que fazer textos para o público é que esse texto se identifique também connosco.
    Afinal de SPAM, anda a Internet cheia (e a minha caixa de correio também :)
    Abraço

  • Olá Alan,
    Seja bem aparecido :)
    Já vi o novo Análise e está muito bom. Parabéns!
    Quanto ao blended, algumas pessoas já o praticam de uma forma inconscinente e talvez parcial, mas na minha opinião a arte está em conseguir articular todas as plataformas, de forma a conseguir ter mais resultados com todas elas juntas, do que todas elas em separado.
    Aqui é que acho que temos alguma coisa a melhorar.
    Abraço!
    JR

  • Olá Sandra,
    Claro que sim. Todos temos muito a aprender.
    Eu sou o primeiro a admitir isso, pois por estranho que pareça, para mim, admitir que não se sabe tudo, é sinal de sabedoria :)

    Quanto ao item 2, está relacionado com tudo isso, a parte de chegar até ao nosso target, de conseguir captar a sua atenção, de falar a mesma linguagem, etc.
    Nu fundo, temos de estar em sintonia, caso contrário, é uma perda de tempo.
    Abraço,
    JR

  • Olá Pedro,
    (o problema do SPAM infelizmente é universal :()
    Sem dúvida que ao estarmos a fazer algo com que nos identificamos ajuda bastante a ter melhores resultados.
    De facto, esse aparecimento e desaparecimento de blogues deve-se essencialmente à falta de planeamento, que quanto a mim, é super fundamental para que o projecto corra bem.
    Escrevi aqui no blog um artigo que fala exactamente sobre isso:
    http://www.webmarketingpt.com/web-marketing/10-erros-que-nunca-deve-cometer-antes-de-lancar-um-site-ou-um-blog/
    Abraço,
    JR

  • Bruno

    Tal como o Alan não tinha ouvido falar de Blend Marketing mas pratico-o, eu comparo o marketing online ás regras do marketing ditas “comum” no marketing empresarial, como o João sabe todo o Marketing acaba por ser praticado inconscientemente mesmo sem conhecer os termos técnicos na minha opinião final fazer a segmentação do publico alvo e tentar ir ao encontro desse mesmo publico é o essencial para o sucesso.

  • Olá Bruno,
    Sim, nós praticamos muitas técnicas de marketing inconscientemente. Não diria todo o marketing, mas muitas técnicas, sem dúvida que sim.
    O que nós temos a ganhar em conhecer estes termos e conceitos, muitas vezes não é tanto o descobrir de algo novo (às vezes até é), mas dá-nos a possibilidade de aprender mais sobre o assunto, e melhorarmos a aplicação e, consequentemente, o resultado destas técnicas, pois, existem várias formas de aplicas as mesmas técnicas, e com resultados diferentes.
    E também aqui que podemos fazer a diferença.

  • Olá João,

    Parece-me que o problema pode começar, logo no nome que se dá ao blog. Quando o nome é mau porque “engana” o visitante, a descrição dificilmente consegue “explicá-lo”, não concorda?

    Quanto ao “Mais do Mesmo”, o artigo que o João promete escrever sobre esse assunto, será certamente muito oportuno pois, quanto a mim, é o que mais se vê na blogosfera. Assuntos praticamente iguais ou com poucas modificações, principalmente em nichos.

    Um abraço.

  • Olá José,
    O domínio muitas vezes pode ser um problema também.
    Vi ainda há pouco tempo um site que tinha um domínio com as palavras “free templates” e os templates na realidade eram pagos.
    É claro que o responsável ia atrás do tráfego gratuito dos motores de busca, mas estou convencido que devia ter uma taxa de abandono na ordem dos 80%/90%, o que na minha opinião é um tiro no pé.

    Sejamos honestos, há assuntos que são transversais e que são abordados em muitos blogs, mas mais importante que os temas serem únicos ou comuns, é a abordagem que lhes damos. Isto é, criar um artigo a dizer exactamente o mesmo que é dito noutros sitios, para mim é uma perda de tempo, para quem escreve e principalmente para quem lê.
    Mas se eu tiver algo a acrescentar ao que já existe, ou se achar que é algo do interesse dos leitores, tento acrescentar valor e conhecimento para valorizar o conteúdo.
    Abraço,
    JR

    PS: mandei-lhe o email acerca do alojamento e da ajuda no seu projecto. Aguardo a sua resposta.