SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 5 de 6

Mini-Curso de SEO – Como Optimizar o seu blog ou Site para o Google – Parte 5

Se ainda não leu os artigos anteriores, recomendo que os leia também.
Pode encontrá-los aqui:
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 1 de 6
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 2 de 6
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 3 de 6
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 4 de 6

Neste quinto artigo do Mini-Curso de SEO, vou falar sobre Redireccionamentos, URL’s e Sitemaps. Todos eles aspectos importantes no processo de optimização de um site.

seo5

Redireccionamentos
Se moveu ou vai mover alguma página de sítio, é conveniente utilizar um redireccionamento para não perder os rankings que já havia ganho com a página até à data.
Para isso, existem vários tipos de redireccionamentos que podem ser utilizados, cada um com a sua finalidade específica.
Se a alteração tem carácter definitivo, então deve utilizar um redireccionamento 301, se for temporário, um redireccionamento 302.
Por exemplo, imagine que tinha uma página que se chamava “contacto.html”, e que ao remodelar o seu site, a página dos contactos mudou de nome para “contacte-nos.html”. Então, deve configurar um redireccionamento 301 do endereço antigo “contacto.html” para o novo “contacte-nos.html”.

Com WWW ou Sem WWW
Pode parecer que não é muito importante, mas a verdade é que é sempre conveniente ter o endereço do seu site bem definido, para evitar estar a dividir Page Rank ou importancia perante o Google.
Se o endereço do seu site for www.omeusite.com, a verdade é que o Google pode estar a dividir page rank entre a versão com o “www” e a versão sem o “www”. Daí que é muito importante, definir um para se manter e efectuar um redireccionamento permanente
no endereço da versão que você não quer. Neste exemplo, se tivesse escolhido a versão www.omeusite.com, então deverá configurar um redireccionamento do endereço omeusite.com para o www.omeusite.com.

URL da Homepage
Nunca tenha mais de um url para a homepage do seu site ou blog.
Quando existem mais do que um url para a homepage o Google olha para eles de forma independente.
Imagine que “www.omeusite.com” e
“www.omeusite.com/index.html”
vão para a homepage. Neste caso, apesar de ambos o url’s irem para a mesma página, o Google vê-os como páginas separadas.
Aqui, deve aplicar o mesmo princípio do redireccionamento 301, de forma a consolidar os seus url’s e aumentar as chances de ter melhores rankings.

XML Sitemaps
os Sitemaps XML são uma excelente forma de permitir aos motores de busca em geral e ao Google, em particular, “tirar uma fotografia” ao seu site.
Enquanto que um Sitemap XML não ajuda na obtenção de melhores rankings, ajuda o Google a detectar alterações em termos de SEO com maior facilidade e rapidez, o que por sua vez, também é benéfico.

Tenho algum receio de estar a utilizar linguagem um pouco mais técnica, que possivelmente poderá não estar ao alcance de todos. Se for esse o seu caso, não tenha problemas e coloque a sua questão através dos comentários.
Lembre-se: perguntar não é sinal de burrice, é sinal de inteligência!

Até ao próximo e último artigo deste Mini-Curso!

Próximo artigo desta série:
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 6 de 6 – Robots.txt, Duplicação de Conteúdo e outras considerações

  • Pingback: SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 6 de 6 | Web Marketing PT()

  • Olá João!
    Agora me pareceu mais complicado o problema do www! Repartir pagerank não é nada bom! Como faço para redirecionar o www para o http:// por exemplo!? O wordpress faz??
    Agradeço

  • É um facto que o wordpress já facilita a tarefa e que ao escolher no dashboard a opção do url, fica mais fácil, pois ele adopta e converte todos os urls de acordo com a sua escolha (com ou sem o www).
    Se você experimetar colocar na barra de endereços o seguinte:
    http://webmarketingpt.com/ (sem o www)
    vai ver que é automaticamente redireccionada para:
    http://www.webmarketingpt.com/ (com www)

    Isso já não acontece com um site normal em html ou com alguns (muitos) CMS’s.

  • Ah! Olha que legal! O meu redireciona para o htt://, sempre sem o www. Olhei no meu worpdress e foi assim que coloquei lá, e sempre que coloco um link para meu blog, seja lá onde for, também nunca uso o www sempre o http://. Acho que então não estou tendo o problema de repartir o pagerank né?
    Só mais uma dúvida, entrei nas ferramentas para webmaster agora e vi lá que em configurações está marcado como “não definir o domínio de sua preferência”, porém quando tentei mudar ele disse que precisa verificar a propriedade novamente, e aí parece que vou ter que usar um redirecionamento 301, mas o worpdress já não está fazendo isso? Ou não é isso que ele faz quando digito o www e ele manda para o http?
    Eu preciso fazer essa alteração no google webmasters? Se sim, como faz para ele verificar a propriedade denovo que eu não descobri…
    Desculpe o incômodo!
    Obrigada e um abraço!

  • Não incomoda nada Sandra, estou aqui para ajudar!

    Nesse caso já não necessita fazer o redirecionamento, uma vez que o wordpress já o está a fazer.
    Caso não o fizesse, ou estivesse a utilizar outro CMS ou site estático, aí sim era importante fazê-lo.
    E nesse caso, poderia fazê-lo através do CPanel, que é muito fácil.

    Abraço,
    JR

  • Bruno

    Eu na minha opinião tenho mais teoria do que pratica, eu nunca fiz redireccionamentos 301 ou 302, nunca tive atenção ao “com www ou Sem www” e agora tenho ainda menos pois não administro nenhum blogue visto que vendi o meu(estava com um excelente indexação nos motores de busca e pelo que vi o novo dono já a estragou 😀 )

    Mas mesmo antes do ano novo estou a pensar lançar um projecto nem que seja para melhorar a minha pratica.

  • @ Bruno,
    Excelentes notícias Bruno!
    Quando lançar o projecto, gostaria muito que partilhasse a experiência
    aqui no blog. Claro que não é obrigado a fazê-lo, mas como estou a pensar arranjar um espaço aqui no blog para divulgar os projectos dos leitores, penso que seria interessante.
    Fica a sugestão,
    JR

  • Olá João,
    Cá estão os sitemaps. O meu problema deve ser a dificuldade com a linguagem.

    Depois do concurso, visto que o João anda muito ocupado farei uma lista das minhas dúvidas.

    Um abraço

  • Bruno

    Pode ter a certeza João, eu poderei criar um projecto de Marketing em complemento a uma PAF mas se não for isso vou criar um blogue de vídeos escolhendo um nicho de mercado e ficando em 1º no Google por essa palavra chave 😀

    Possivelmente vou entrar num projecto paralelo, a criação de um blogue oficial de uma comunidade de ganhos online na qual participo e o projecto vai ser como o seu blogue fala de SEO,blogosfera,etc…vamos ser “concorrentes” 😉

  • Oi Bruno!
    Só por curiosidade, o que é PAF???

  • Bruno

    Também não sei bem mas é utilizada nos finais de cursos profissionais como projecto final, não te posso dar grandes informações também não sei bem…

    João seria interessante, como você no concurso vai oferecer domínios poderá depois criar um artigo “Os domínios oferecidos pelo WMPT já estão a trabalhar” algo do género 😀

  • @ Bruno,
    “vamos ser “concorrentes” ;-)”
    Embora a concorrência não me assuste e este blog seja apenas um hobby, eu diria antes colegas :)
    E honestamente, pode ter a certeza que seja esse o projecto ou outro, eu desejo muito Sucesso!

    “João seria interessante, como você no concurso vai oferecer domínios poderá depois criar um artigo “Os domínios oferecidos pelo WMPT já estão a trabalhar” algo do género :D”

    Por acaso é uma boa ideia, muito embora ainda não tenha decidido em que termos é que o irei fazer. Mas a minha ideia é que os leitores também possam partilhar aqui no blog as suas histórias e experiências, em que eu posso ajudar publicando artigos tipo “Case Studies” (não sei a expressão correcta em PT, mas à letra é “casos de estudo”). E que estes artigos ajudem outros leitores nos seus projectos.

    E obrigado pela sugestão!
    Abraço,
    JR

  • Oi João!
    Estudos de caso vão ser bem legais! Acho que ajuda quem tem está na mesma situação, pois é sempre bem detalhado, acho eu.
    Vou adorar participar também!
    Um abraço!

  • Óptimo Sandra!
    Vamos experimentar então e depois logo vemos como corre.
    Quando chegar o fim do passatempo, vou convidar todos os vencedores a participarem.

    Abraço,
    JR

  • Olá João,

    A brincar você está dando uma boa dica para um tema a explorar. Não me refiro aos concorrentes, mas existem tantos blogs que fornecem bons exemplos de excelentes “case studies”.

    Abraço.

  • Olá João!
    Com certeza vai ser bem legal! E terei o maior prazer em colaborar (mesmo que não fique entre os vencedores!).
    Um abraço!

  • Luciana

    Olá João,
    Minha dúvida é a seguinte: tenho um site feito em Flex e pelo que eu entendi, não é um site “amigával” para Google.
    Como vai ser complicado mudar para outra plataforma, gostaria de saber se posso usar o .COM (meu site atual é .COM.BR) para fazer uma “chamada” pro meu site.
    No caso o .COM seria uma página com o logo da empresa, algumas fotos e link do site .COM.BR.
    Aguardo seu retorno.
    Obrigada desde já!
    Abraço, Luciana.

  • Olá Luciana,

    Pode haver algumas limitações de facto, mas depende também como o site está construído.
    De qualquer forma, pode avançar com a criação de uma versão simplificada do site em HTML, ou um mini-site para garantir uma melhor leitura dos conteúdos pelos motores de busca e colocá-lo no domínio .com.

    O problema principal é que se os motores de busca não conseguirem “ler” o seu conteúdo, não lhe atribuirão nenhuma correlação entre os termos de pesquisa e o conteúdo do site, e por isso ele não aparecerá com tanta facilidade nos resultados das pesquisas.
    Por esse motivo é que é importante disponibilizar os conteúdos de forma “legível”.

    Espero ter ajudado.
    Abraço,
    JR

  • Luciana

    Oi João!
    Muito obrigada pela resposta!
    Pelo que sei o site é todo em Flex e realmente o google não consegue ler as informações.
    Vou utizar o .COM como uma “chamada” pro outro site.
    Obrigada mais uma vez!

    PS.: estou acompanhando as matérias do seu site, está me ajudando bastante!

  • Olá Luciana,
    Fico contente por estar a ajudá-la com o seu projecto!
    Se tiver alguma questão, coloque-a aqui no blog que eu respondo sempre aos comentários.
    JR

  • Olá joão! Quero lhe agradecer desde já este mini-curso! Só gostava de saber qual é a diferença entre redirecionamente 301 e 302. Desculpa a pergunta. lol

    Obrigadão!

  • OLá Luís,
    Não precisa pedir desculpa, quando não se sabe, pergunta-se! Mai nada!

    A diferença entre um redirecionmaento 301 e um 302 é que o primeiro tem um carácter mais definitivo, enquanto que o segundo é mais para situações temporárias.

    Dou-lhe o exemplo aqui do blog, além do domínio webmarketingpt.com eu também comprei o domínio webmarketingpt.net.
    Uma vez que a minha intenção é que o .net esteja apontado para o .com eu apliquei um redirecionamento 301 pois é uma situação permanente e não temporária.

    Espero ter ajudado.
    Se tiver mais alguma questão, esteja à vontade, eu respondo sempre!
    JR

  • Luciana

    Olá João!
    Como aplico esse redirecionamento? Quando faço o domínio, tem alguma opção para escolher ou coloco manualmente?
    Abraço, Luciana.

  • Olá Luciana,
    Você pode fazer este redirecionamento através do seu Painel de Control da conta de alojamento do seu site.
    Aí você deverá ter uma opção “Redirects” ou “Redirecionamentos”, consoante estiver em português ou inglês, e é aí que você insere o domínio que quer direcionar e o domínio de destino.
    Qualquer dúvida, diga!
    Abraço,
    JR

  • Luciana

    Ah entendi! Mas eu colocando isso, ele já entende que seria um redirecionamento 301?

  • Tem de ir lá ver Luciana, porque certamente tem a opção de escolher o tipo de redirecionamento (pelo menos as opções 301 ou 302 deve ter concerteza), e é aí que você escolhe 301.

  • Luciana

    Ah! Então é fácil!
    Obrigada João!

  • naildesign-pt unhas gel

    Olá!

    Antes de mais, gostaria de dar os parabéns pelos excelentes artigos que tem publicado.

    Estou com uma dúvida/problema.

    Lancei o meu site há cerca de uma semana e gostaria de ter tudo otimizado para os motores de busca. Fiquei intrigada com a parte dos redirecionamentos.

    Ora bem, o meu site tem “duas páginas” iniciais http://www.nailsempire.com/pt e o http://www.nailsempire.com/en

    Sempre que coloco o link do meu site em algum lugar uso o http://www.nailsempire.com, no entanto ele “redireciona” para http://www.nailsempire.com/pt ou www.nailsempire.com/en.

    No Cpanel configurei um redirecionamento 301 de nailsempire.com/pt para www.nailsempire.com. Isto está correto?

    Não consigo redirecionar de nailsempire.com (sem o pt ou en) para www.nailsempire.com

    Agradeço desde já a vossa ajuda.

    Cumprimentos,
    Sofhia

  • @google-38c149a1923587cfcdaf855a0d8563fb:disqus 

    Olá Sofhia, obrigado pelo comentário.

    Primeiro, deverá definir qual a sua homepage, se é a versão com ou sem o www 
    Depois eu aconselho a utilização do Google Webmaster Tools para informar o Google de qual a versão que você prefere (com ou sem o www).
    Pelo que consegui ver brevemente, ele está a redirecionar para http://www.nailsempire.com/en/

    Espero ter ajudado. Se tiver mais alguma questão, diga-me.
    JR