SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 5 de 6

Mini-Curso de SEO – Como Optimizar o seu blog ou Site para o Google – Parte 5

Se ainda não leu os artigos anteriores, recomendo que os leia também.
Pode encontrá-los aqui:
– SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 1 de 6
– SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 2 de 6
– SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 3 de 6
– SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 4 de 6

Neste quinto artigo do Mini-Curso de SEO, vou falar sobre Redireccionamentos, URL’s e Sitemaps. Todos eles aspectos importantes no processo de optimização de um site.

SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 5 de 6

Redireccionamentos
Se moveu ou vai mover alguma página de sítio, é conveniente utilizar um redireccionamento para não perder os rankings que já havia ganho com a página até à data.
Para isso, existem vários tipos de redireccionamentos que podem ser utilizados, cada um com a sua finalidade específica.
Se a alteração tem carácter definitivo, então deve utilizar um redireccionamento 301, se for temporário, um redireccionamento 302.
Por exemplo, imagine que tinha uma página que se chamava “contacto.html”, e que ao remodelar o seu site, a página dos contactos mudou de nome para “contacte-nos.html”. Então, deve configurar um redireccionamento 301 do endereço antigo “contacto.html” para o novo “contacte-nos.html”.

Com WWW ou Sem WWW
Pode parecer que não é muito importante, mas a verdade é que é sempre conveniente ter o endereço do seu site bem definido, para evitar estar a dividir Page Rank ou importancia perante o Google.
Se o endereço do seu site for www.omeusite.com, a verdade é que o Google pode estar a dividir page rank entre a versão com o “www” e a versão sem o “www”. Daí que é muito importante, definir um para se manter e efectuar um redireccionamento permanente
no endereço da versão que você não quer. Neste exemplo, se tivesse escolhido a versão www.omeusite.com, então deverá configurar um redireccionamento do endereço omeusite.com para o www.omeusite.com.

URL da Homepage
Nunca tenha mais de um url para a homepage do seu site ou blog.
Quando existem mais do que um url para a homepage o Google olha para eles de forma independente.
Imagine que “www.omeusite.com” e
“www.omeusite.com/index.html”
vão para a homepage. Neste caso, apesar de ambos o url’s irem para a mesma página, o Google vê-os como páginas separadas.
Aqui, deve aplicar o mesmo princípio do redireccionamento 301, de forma a consolidar os seus url’s e aumentar as chances de ter melhores rankings.

XML Sitemaps
os Sitemaps XML são uma excelente forma de permitir aos motores de busca em geral e ao Google, em particular, “tirar uma fotografia” ao seu site.
Enquanto que um Sitemap XML não ajuda na obtenção de melhores rankings, ajuda o Google a detectar alterações em termos de SEO com maior facilidade e rapidez, o que por sua vez, também é benéfico.

Tenho algum receio de estar a utilizar linguagem um pouco mais técnica, que possivelmente poderá não estar ao alcance de todos. Se for esse o seu caso, não tenha problemas e coloque a sua questão através dos comentários.
Lembre-se: perguntar não é sinal de burrice, é sinal de inteligência!

Até ao próximo e último artigo deste Mini-Curso!

Próximo artigo desta série:
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 6 de 6 – Robots.txt, Duplicação de Conteúdo e outras considerações

Details

SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 4 de 6

Mini-Curso de SEO – Como Optimizar o seu blog ou Site para o Google – Parte 4

No quarto artigo deste Mini-Curso, vou falar sobre o Google Webmaster Tools.

O Google Webmaster Tools pode ser uma ferramenta muito útil para o auxiliar nos seus esforços de optimização do seu site.
Não o ajudará directamente a melhorar os seus rankings, mas dá-lhe uma ajuda preciosa se estiver a deparar-se com problemas. Além de que, também o ajuda a identificar e selecionar URL’s que você não quer indexados, assim como outras preferências, tipo: crawl rate e o target em termos geográficos.

SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 4

XML Sitemaps
Esta é a razão mais comum porque as pessoas recorrem e utilizam o Google Webmaster Tools, pois permite a submissão do seu XML Sitemap. Enquanto que pode utilizar o seu ficheiro robots.txt para fazer com que o Google encontre o seu XML sitemap, ao submetê-lo ao Google poderá acompanhar o seu status.

Verificação de Erros
O Google Webmaster Tools também pode ser muito útil na identificação de erros que o Google tenha notado. Ao consultar a opção Diagnostics > Web Crawl, poderá ver se o Google identificou algum erro e corrigi-lo, aumentando, desta forma, as suas hipóteses de melhorar o seu ranking.

Status de WWW
Certifique-se que selecciona uma opção no menu Tools > Set Preferred Domain. Esta opção é muito importante. Defina se o seu domínio deve incluir o “www” ou não, e mantenha-se fiel a essa escolha. Caso contrário pode estar a dividir rankings entre uma versão e outra (com e sem o “www”).

Links
Através da visão que consegue obter através do Google Webmaster Tools, consegue ter uma percepção muita mais “afinada”, sobre quais são os sites que o Google identifica como tendo links para o seu, e, se for caso disso, investir algum trabalho numa estratégia de link building.
Os links para o seu site desempenham um papel muito importante na determinação do seu ranking. Certifique-se que implementa uma estratégia de Link Building consistente, e que lhe permita, agora e no futuro ter fundações sólidas para apoiar o seu ranking.

Se tem alguma questão, ou algum contributo a dar a este artigo, deixe o seu comentário!

Próximo artigo desta série:
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 5 de 6 – Completando a Optimização

Details

Como aumentar as vendas ou subscrições sem perder dinheiro

Não há dúvidas! Reduzir os preços pode ser uma das formas mais rápidas e, eventualmente, mais eficazes de atrair clientes e concretizar negócios. Actualmente, a publicidade com “Descontos”, “Saldos” ou “Promoções”, é, provavelmente a mais comum de se ver, online e offline. Mas certamente não é a única! Por outro lado, a redução de preços…

Details