SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 3 de 6

Mini-Curso de SEO – Como Optimizar o seu blog ou Site para o Google – Parte 3

Se ainda não leu os primeiros artigos, recomendo que o faça.
Pode encontrá-los aqui:
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 1 de 6
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 2 de 6

Na terceira parte deste Mini-Curso, vou abordar a questão dos Links e explicar um pouco sobre a sua importância para os seus rankings no Google.
Os links são importantes em quantidade, mas acima de tudo em qualidade.SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 3 de 6

Relevância
Eu diria que a regra número 1 dos links é que sejam relevantes. Quanto mais relevantes forem os links para o seu site, mais valor lhe irão atribuir para a keyword escolhida.Se o link estiver numa página que relevante, é bom, se o site inteiro for relevante, é ainda melhor.

Pode ter uma ideia da concorrência, se, na falta de software que forneca esta informação, pesquisar no Google pela sua keyword, e depois,
com esses resultados ver no yahoo o número de links que o Yahoo encontra para esses resultados.

Isto é apenas uma sugestão, não tem de fazer este passo.
No entanto, poderá ajudar a fornecer-lhe mais alguma informação sobre a quantidade de links que os seus concorrentes têm.

Existem várias formas de conseguir links para o seu site, e é sobre elas que vou falar um pouco.

Troca de Links
A troca de links tem vindo, com o tempo, a perder a sua importância. No entanto, se o site que tiver o link para o seu site, for relevante, continua a ser um contributo importante para lhe adicionar valor.

Compra de Links
O Google, de uma forma geral, não aprova a compra de links. Isso não quer dizer que, se o fizer em casos em que o site que tem os links seja um site relevante e com boa reputação, não possa ser uma mais-valia para si, tanto em termos de tráfego como em termos de rankings. mas para isso, o link tem de ser directo para o seu site, sem passar por softwares de tracking ou redireccionamentos.

Artigos
Como já referi neste artigo sobre como aumentar as visitas ao seu site, o marketing de artigos é uma excelente forma de conseguir tráfego de qualidade, e em simultâneo, construir uma reputação sobre o tema do seu site ou blog, juntando a tudo isto, mais um link.
Escreva artigos de qualidade com alguma frequência e submeta-os a directórios de artigos como o ArtigoPT.com – Directório de Artigos.
Aproveite para deixar um link na secção “Sobre o Autor”, e utilize a sua keyword para o texto do link.

Press Releases ou Agregadores de Notícias
Utilize os sites que publicam notícias para colocar as suas, e com isso, é adicionado mais um link para o seu site.
Irei publicar brevemente uma lista de sites de agregação de notícias.

Fóruns
Utilize os fóruns para divulgar o seu site ou blog. Para isso coloque um link para o seu site na sua assinatura.
Tenha atenção às regras de cada fórum, pois poderá haver alguns com regras específicas, e é conveniente cumpri-las.
Além disso, esta técnica só funciona se você for um interveniente que acrescenta valor às conversas do fórum.

Blogs
Tal como o ponto anterior, pode aproveitar a possibilidade de comentar em blogs que sejam relacionados com o seu, e ganhar mais um link para o seu site.
No entanto, e tal como o anterior, faça-o apenas se adicionar valor, senão possivelmente, acabará prejudicado, ou o seu comentário poderá até nem ser aprovado pelo dono desse blog.

Directórios de Sites
Os directórios de sites são outra oportunidade que tem ao seu dispor para divulgar o seu site e obter mais links.
Há quem diga que não vale a pena submeter o site a estes directórios. Eu discordo veementemente.
Pela minha experiência pessoal, não só vale a pena em termos de tráfego, como em termos de rankings e popularidade do seu site. E como tal, eu aconselho-o a fazê-lo.
Sobre este assunto, também estou a preparar uma lista de Directórios de Língua Portuguesa para colocar aqui no blog.

E fica assim concluída esta secção sobre links.
Se tiver alguma questão, ou algum contributo a dar a este conteúdo, comente este artigo!

Próximo artigo desta série:
SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 4 de 6 – Google Webmaster Tools

GOSTOU DESTE CONTEÚDO?
ASSINE GRATUITAMENTE E RECEBA TODOS DICAS NO SEU EMAIL!

A sua privacidade é garantida a 100%!
  • Pingback: SEO – Como Optimizar o seu Site ou Blog para o Google – Parte 4 de 6 | Web Marketing PT()

  • Olá João!
    Utilizo todas as técnicas de obter links que descreveu, menos participar de fóruns, que a meu ver é gasto muito tempo. Vale lembrar que os links precisam ser follow, né? Se não para o google não adianta. Mas os links que considero de mais valor são aqueles que outros blogs citam no meu dos seus artigos citando um artigo seu, normalmente com as palavras-chave mais relevantes. Mas para conseguir isso demora um pouco e é preciso ter conteúdo muito bom no seu blog.
    Um abraço!

  • Olá Sandra,

    No que respeita aos links, se forem links follow (links que são seguidos pelo google), ajuda ainda mais, mas eu considero que quase todos os links são importantes, à excepção de link farms e links de sites com má reputação.

    Quanto aos links em artigos de outros blogs (links contextuais) é verdade que são bons para rankings desde que tenham a keyword no texto ancora, e ajudam bastante no processo de optimização, pois o google olha-os como recomendações de terceiros e considera que lhe estão a reconhecer valor, e como tal, também o valoriza.

    Abraço,
    JR

  • Bruno

    “Eu diria que a regra número 1 dos links é que sejam relevantes”

    Concordo consigo, essa tem que ser a regra básica porque se um link não for relevante não interessa, isto já leva a discussão de “Não quero esse link para o meu site” mas isso devera ser útil para “outro” tema.

    Na minha opinião não interessa e não recomendo submeter o site a directórios de sites/artigos que não tenham page rank ou tenham page rank 0 pois esse link pode ser um link irrelevante e desses há que fugir.

    Em relação á compra de links o Google proibiu a compra de links e agora as pessoas tenhem “medo” por exemplo de castrar o site no directório da yahoo, é um backlink enorme que se recebe e a questão que coloco é se o Google não tira o peso desse link mas também os webmaster não podem fixar só no Google e acho que as pessoas devem continuar a registar seus sites no Yahoo Directory

    Os comentários em blogues para receber um backlink já não há muito disso por duas razoes:

    1ºMuitos plugins de comentários já trazem o nofollow
    2ºExiste uma área própria para colocar o website do comentador(essa traz sempre,sempre nofollow) portanto colocar no comentário um link pode ser muito facilmente considerado spam

    Em relação há assinatura em fóruns eu sempre tive duvidas se o Google coloca nesse link um peso como se fosse um link normal, eu penso que nao e tambem ja me disseram que nao, resumindo e concluindo a minha duvida:

    Se eu tiver num forum 3000 posts(exemplo) receberei 3000 backlinks(duvido)

    Imagine o seu site, se você estiver registado em um fórum de ganhos online e tiver 3000 posts e o seu site na assinatura recebera 3000 backlinks de um site do mesmo tema(Isto é ouro)

    Sandra mas participar em fóruns é onde se aprende mais(experiencia propria) portanto eu não considero uma perda de tempo.

    “A troca de links tem vindo, com o tempo, a perder a sua importância.”

    Penso que não, eu entendo como troca de links parcerias e o Google supostamente quer que as pessoas coloquem nofolow nessas parcerias(porque se não podem punir),o que vou dizer agora pode ser disparatado mas na blogsfera começou a surgir o “Link Love” e eu penso que é para o Google não entender como parceria e reduzir os riscos de ser punido

    P.S:Desculpe os comentários grandes 😀

  • Olá Bruno,

    Antes de mais, aqui no WMPT, NUNCA peça desculpa pelos comentários serem grandes. Este espaço também é SEU! Assim como dos outros leitores. :)

    Quanto ao tema, não estarmos todos de acordo em tudo, é bom sinal.
    Acho que você tem umas boas ideias em relação aos links, ao que eu gostaria de acrescentar o seguinte:

    – Concordo consigo no que respeita aos links pagos, como digo no artigo, mas o caso de directórios pagos é um pouco diferente. Pessoalmente, não tenho conhecimento de ninguém que tenha sido prejudicado por ter o site em directórios pagos, e tal como você diz, o Yahoo, apesar de ser caro, é muito bom para criar Backlinks.

    – É verdade que temos de “fugir” de links em sites de má reputação, mas os directórios com PR0 também o podem ter por serem recentes e aí há que fazer a diferença.
    Claro que se for um directório com 1 ano e PR0, é um pouco suspeito.

    – Sobre os 3000 links em fóruns, o Google nunca iria fazer algo que penaliza as pessoas por fazerem (SPAM), e por isso não iria considerar os 3000 backlinks.
    E atenção que isto também depende muito, como nos restantes casos, da relação que o fórum tem com o Google, mas partindo do ponto que é “boa”, e o fórum tem bastantes páginas indexadas, irá receber backlinks do fórum.
    Eu próprio já fiz o teste, e ainda hoje tenho backlinks para alguns sites meus, provenientes de fóruns onde já não intervenho há perto de 1 ano.

    – No caso no Link Love, o Google continua a saber que são parcerias ou troca de links, mas não são esses os tipos de links que o Google mais valoriza.

    Temos de ter sempre em atenção que, a função principal dos links pode ser, em alguns casos, a criação do próprio backlink ou a geração de tráfego, ou até ambos. E em cada um destes casos, o objectivo em questão pode ou não justificar a criação de um link em determinado espaço.

    É certo que estes temas têm muito que se lhe diga, pois as coisas não são muito lineares, uma vez que estamos a trabalhar com muitas combinações de factores.
    Irei futuramente publicar outros conteúdos sobre este tema.

    Excelente comentário Bruno. Parabéns!

    Abraço,
    JR

  • Olá João,

    Quando estou na condição de leitor de outro blog, aprecio imenso quando há um link contextual. Imagine que no princípio eu achava que esses links eram contraproducentes, para quem linkava pois o leitor abandonava o barco e se perdia no outro blog.

    Hoje reconheço que esses links(não falando em vantagens de page rank) são um serviço prestado ao visitante, oferecendo-lhe a possibilidade de ver outro aspecto do tema tratado.

    São realmente os melhores links.

    Abraço.

  • Olá Bruno!
    Não disse que participar de fóruns é perda de tempo, muito pelo contrário, até gostaria de ter tempo para isso, mas não tenho, por que querendo ou não requer muito tempo da gente, mas não é tempo perdido.
    Quanto aos links nos comentários, eu deixo os links do campo website follow, como incentivo aos leitores comentarem e ganharem um link. Mas o problema de fazer isso é que sempre aparecem os espertinhos apenas querendo ganhar o link, fazendo propaganda, ou então nem sequer lêem o artigo!
    Esta semana tive uma pérola, no artigo que explicava o que era pagerank o cara perguntou onde ele colocava o pagerank, rs…
    Podia pelo menos ter tido o trabalho de ler o artigo…
    Nos casos de spams sou obrigada a deletar, nos outros até que podero um pouco. Mas acho sim que é uma maneira de conseguir links.
    Um abraço!

  • Bruno

    Achas isso uma maneira de conseguir links? eu interpreto isso como uma maneira de perder alguns links e visibilidade no Google, imagina eu eu vou la com um site banido do google e comento você arrisca-se a perder pagerank,etc…

    No deve manter qualquer coisa no seu site folow, seu site é uma maravilha, Joao vai la comentar meia dúzia de artigos e deixa o link do WMPT para ganhas uns bons backlinks.

    Sandra sinceramente não gostei da sua filosofia porque nas suas parcerias usa nofollow logo nos comentários também deveria usar…

  • Achas mesmo?
    Não vejo por esse lado, na verdade os links deixados nos comentários são bem menos relevantes, por isso não ligo.
    Quanto a perder pagerank por causa de sites banidos ou coisas assim foi o que eu disse, não hesito em apagar. Mesmo comentários idiotas, do tipo ‘bom’, também tiro.
    E como disse ao João em outro artigo não ligo muito para o PR.
    E quanto aos links de parceiros pretendo mudar para follow também no ano vem,
    []s

  • Bruno

    Vi agora e nos seus comentários esta incorporado o atributo rel=’external’ penso que assim não precisa de se preocupar pois penso que este atributo não passa pagerank para os outros sites…

  • Se há coisa que também em irrita, mas pouco, pois não perco muito tempo com parvoíces, é esses comentários sem sentido que por vezes aparecem de pessoas que não sabem como se deve fazer as coisas e que, pior, não querem aprender.

    Mas existe sempre o “delete”, ou então como eu faço às vezes, que levo a coisa para a brincadeira e ainda dou conversa, mas só uma resposta.

    Uma delas até está aqui no blog, outra está no meu canal do Youtube.
    Vejam só este comentário de um tal de “topcpss2” num filme meu no Youtube e vejam lá se não é para rir:
    -> http://www.youtube.com/watch?v=cMmp9-LIwjs

    Enfim, também temos de saber conviver com estas pessoas.

    Abraço,
    JR

  • Inacreditável!
    Escrevi um artigo sobre erros de português no meu blog, já cansei de encontrar erros crassos em artigos de blogs, agora, em comentários nem se fala, é realmente absurdo!
    O cara escreveu ensinar com c!!
    Ninguém merece!
    Rs…
    Um abraço!

  • Beto

    artigo p/ site perdedor.

    Perda de tempo total esse artigo. Sejam mais objetivos e verão os resultados. Pesquisem em outros sites e sejam felizes
    abs

  • Bruno

    Beto fique la com a sua opinião que na minha opinião não é boa. Bom Natal 😀

  • @ Beto,
    Obrigado e seja feliz também.

  • Também te desejo toda felicidade!
    Rs…
    É de rir né João!?
    Um abraço!

  • Beto se fizeres melhor diz que nós aprendemos contigo.
    Já agora porque não deixas-te o teu site? Gostávamos de o ver.

  • Como a Sandra já disse uma vez:
    “Ninguém merece!” :)

  • João pessoas destas existem em todos os blogs.
    A dor de cotovelo é lixada :)

  • Bruno

    Claro, enfim eu sou seguidor de muitos blogues pelo feed rss que falam de negócios online não posso dizer que este é o melhor mas que é bom é, gosta da sua maneira de explicar as coisas João e parece-me ser uma pessoa com ética 😀

  • João!
    Vamos pensar pelo lado bom, isso significa que seu blog está crescendo e sendo visto por mais pessoas!
    Se não existir feedback negativo também não é bom, mas a pessoa poderia pelo menos ter sido mais polida Rs…
    Ninguém merece mesmo! 😛

  • Bruno este até fala mais de marketing do que do que propriamente negócios online.

  • @ Bruno,
    Obrigado Bruno!
    Vou continuar a tentar manter o mesmo nível e a melhorá-lo.

    @ Nelson,
    É verdade Nelson, é comum encontrar pessoas que chegam e começa a dizer mal por tudo e por nada. Não percebo o que estas pessoas têm na cabeça, mas não quero tentar adivinhar…

    @ Sandra,
    É mesmo isso que eu acho mal, como disse em cima.
    Não me aflige que as pessoas não concordem comigo. Afinal, eu não sou dona da razão.
    Só acho pobreza de mente e espírito, não saberem discordar de forma correcta e justificar os seus pontos de vista.

    Até pensei em apagar o comentário, até porque seria o que a maior parte das pessoas faria, mas decidi deixar, porque acho que é bom outros leitores verem como NÃO se deve ser quando se comenta em blogues.

    Abraço,
    JR

  • Pois é João, eu apago, acabei de receber um comentário desses em meu blog só que cheio de palavrões!
    Será que as pessoas não tem nada melhor para fazer da vida?
    Eu apago mesmo, sem dó, e ainda bloqueei o e-mail da criatura, o dia que quiser comentar de verdade não vai conseguir…

  • Bruno

    Eu tenho espírito critico se for preciso critico mas de maneira construtiva e claro sem ofender ninguém.

  • Sandra quando é com palavrões devemos no mínimo editar o comentário. Mas a opção de apagar é sempre considerada. Depende do comentário.

  • Eu acho que as pessoas no mínimo devem ter educação. Fazer comentários com besteiras e palavrões e ainda ofender o dono é a mesma coisa que entrar na casa de alguém, cuspir no chão e xingar o dono da casa, que abriu as portas amigavelmente. Por isso eu não quero mais que esse tipo de criaturas entrem em minha casa, entende?
    Críticas eu deixo, pode falar mal, que não gostou, agora me xingar?! Aí excluo mesmo, sem dó!

  • Sim têm de ter educação. Quando me referia a editar comentários com palavrões não era só os comentários com insultos mas principalmente os comentários “normais” mas com comentários no meio.

  • @ Sandra,
    Concordo consigo em 100%.
    A boa educação não se nega a ninguém! E é, na minha opinião, o mínimo dos mínimos que se pode esperar dos outros.
    E quem não a tem, deve ser “convidado a sair” e a não voltar.

    Abraço,
    JR

  • baixargratisbr

    olá amigo, muito bom seu artigo sobre seo, bem explicado e atualizado.

  • Obrigado, espero que continue a acompanhar o WMPT, pois os conteúdos estão sempre a ser actualizados.