Google Panda Update 2.2 – O Que é, Impactos e Dicas

O Google lançou uma atualização ao seu algoritmo que veio agravar/penalizar as penalizações aplicadas a determinados tipos de sites, conhecida como Google Panda Update 2.2.

Esta atualização foi inciada a meio de Junho e, como vem sendo hábito nestas atualizações, o Google revelou muito pouco ou nada sobre ela. De tal forma, que torna difícil falar um pouco mais sobre o que ela engloba.

O que é o Google Panda Update?

O Google Panda Update é/foi uma atualização que o Google realizou ao seu algoritmo, com o objetivo de penalizar sites que, estando bem posicionados nos rankings, não teriam, a seu ver, valor e qualidade para lá estar.

Houve sites que, na primeira atualização (Panda) do algoritmo, perderam até 80% do seu tráfego orgânico proveniente do Google.

Como em todos os caso verificados até agora, para se penalizar os maus, acabaram por apanhar alguns “bons” também.

Depois em Maio, foi lançada uma nova atualização Panda, chamada de Google Panda Update 2.1 que incidiu essencialmente (ou mesmo apenas) em sites de língua inglesa.

E agora em Junho, nova atualização – Google Panda Update 2.2 – que atinge site de todas as línguas (pelo menos tudo aponta nesse sentido) e que vem mais uma vez penalizar sites que o Google considera que não têm valor.

Em corrente contrária, está o Web Marketing, que todos os meses consecutivamente, bate records de tráfego, tendo cada vez mais visitas.

Para si que foi, ou que pode vir a ser alvo do faminto Panda, aqui ficam algumas dicas para não ser apanhado por ele:

1. Usabilidade

Este é talvez um pouco óbvio, mas a verdade é que um site que tenha a página carregada de banners, não providencia ao utilizador uma experiência positiva.

O mesmo acontece com menus escondidos ou de difícil acesso.

Tentar sempre ter em conta a usabilidade de um site é algo, que independentemente do Panda, para mim é fundamental. Já o disse várias vezes.

2. Conteúdo

Também como já disse, é fundamental publicar conteúdo com qualidade.

Cada vez mais a dificuldade na internet deixa de ser encontrar algo, mas encontrar algo de real valor.

Não interessa publicar todos os dias se os seus conteúdos são ocos e pobres. É preferível publicar menos frequentemente e com melhor qualidade.

Em qualquer situação, o conteúdo quando é bom, é reconhecido pelos utilizadores interessados no tema, seja ele qual for.

Mantém-se (por enquanto) o cliché: “Content is King!”

3. Atualizações

Um site desatualizado é um site que não recolhe pontos positivos para fugir ao Panda.

Obviamente, nem todos os sites têm a mesma natureza, mas é sempre possível fazer atualizações ou no próprio site ou num site ou blog de apoio a esse site.

Não quer dizer que, se não o fizer, será “apanhado”, simplesmente que, se o fizer aumenta a probabilidade de não ser, já que uma das coisas que o Google valoriza é a atualização de conteúdos.

4. Diversificação de Tráfego

Outro tema que já abordei, mas que vale a pena reforçar, é a diversificação das origens de tráfego do seu site.

Embora o Panda esteja dirigido para sites de qualidade inferior (pelo menos aos olhos do Google), foram muitos os sites que não estavam no target, que foram apanhados “nas malhas do Panda” – estava desejoso por dizer isto :).

E como tudo na vida, nenhum site está livre de ser apanhado. No entanto, se o tráfego do seu site se baseia no Google para sobreviver, cuidado que o Panda anda por aí…

Vale muito a pena diversificar e captar tráfego de outras origens, não apenas porque é sempre uma boa aposta, como também porque no caso do Panda voltar, o impacto que pode causar será minimizado.

 

Conclusão

Ninguém está livre de ser apanhado pelo Panda, mas podemos trabalhar no sentido de evitar que isso aconteça, ou que, se acontecer, o impacto não seja tão grande.

De plena consciência, também ninguém (à exceção do próprio Google) lhe pode garantir, que se cumprir estas dicas, nunca na vida será afetado pelo Panda, mas muito dificilmente isso aconteceria.

Até porque estas dicas, têm o resultado prático exatamente oposto, o que se traduz em melhorias para o seu site e uma experiência mais positiva para o utilizador, que é o que o Google tão ativamente defende.

O seu site foi “caçado” pelo Panda?

Comments (12)
  1. blog nacional 14 Julho, 2011
  2. Joao Rodrigues 14 Julho, 2011
  3. Soares 15 Julho, 2011
  4. Joao Rodrigues 15 Julho, 2011
  5. Gilson de Moura 17 Agosto, 2011
  6. Joao Rodrigues 17 Agosto, 2011
  7. Melhores do Youtube 18 Agosto, 2011
  8. Joao Rodrigues 19 Agosto, 2011
  9. Andre 9 Setembro, 2011
  10. Joao Rodrigues 11 Setembro, 2011
  11. Samuel Silva Pereira 22 Outubro, 2011
  12. Joao Rodrigues 22 Outubro, 2011