Performancing Metrics

O Que é Email Marketing – O Verdadeiro Conceito!

Muitas pessoas pensam que o Email Marketing é uma ferramenta ou um meio de envio de emails. Na verdade, não podiam estar mais enganados. Email Marketing, é muito, mas muito mais que isso!

Já li vários artigos publicados sobre email marketing e todos eles falham – de alguma maneira – na altura de conseguir explicar o que é afinal email marketing.

Para ajudar a clarificar, vou passar a explicar o que não é email marketing:

  • não é o envio de emails para uma lista de endereços de email
  • não é o envio de publicidade por email

Isto são apenas as práticas que são executadas no âmbito da implementação de uma estratégia de Email Marketing, mas Email Marketing não é isto.

O verdadeiro conceito de Email Marketing, está relacionado com aspectos tão importantes como a criação de relações, aumento do conhecimento, proximidade, reputação, credibilidade, criação de imagem e bidireccionalidade da comunicação.

Quando pensamos em termos de promoção, crescimento e evolução de um site, blog ou negócio online, temos que considerar o email marketing como ingrediente obrigatório, para nos permitir aplicar uma série de técnicas que, por sua vez, alargam o nosso campo de acção e nos permitem concretizar uma série de objectivos, que de outra forma seriam muito mais difíceis de atingir.

Para ter uma noção mais concreta do verdadeiro potencial do Email Marketing, deixo-lhe aqui as suas principais vantagens:

Criação de Imagem e Reputação

A criação de uma imagem distinta e de uma boa reputação online é algo fundamental, para não ser visto como sendo mais um, no meio de tantos outros. Esta aposta é uma aposta cada vez mais necessária para conseguir destacar-se dos restantes concorrentes e para criar uma imagem de referência no seu nicho.

Estabelecimento de Relações Interpessoais

Criar e alimentar relações com os seus prospectos, clientes ou assinantes, é algo que o torna mais próximo deles, e que os aproxima de si. Não falo da criação de grandes amizades (o que não implica que não possa acontecer), mas no estabelecimento de relações com base em confiança e entreajuda, entre outros aspectos. Se as pessoas confiarem em si, mais facilmente seguirão uma recomendação sua, do que noutra situação qualquer. Da mesma forma, que se confiarem em si, e precisarem de um serviço ou produto que você também forneça, mais facilmente recorrem a si do que a qualquer outro fornecedor desse produto ou serviço.

Maior Proximidade

A correcta utilização do Email Marketing, permite-lhe uma relação mais próxima e bidireccionalidade na comunicação com os seus destinatários. Se é um facto que poderá utilizar outros recursos para conseguir este objectivo, também é verdade que esses outros recursos não proporcionam a mesma privacidade e confidencialidade.

Maior Conhecimento – Knowledge is Power!

Como diz aquela máxima; conhecimento é poder. Eu vou mais longe, e digo; conhecimento não é poder, mas dá-lhe poder!

Neste caso, dá-lhe um poder imenso para colher conhecimento dos seus destinatários, seja para saber a sua opinião sobre produtos ou serviços ou sobre qualquer outro tópico, pode com muita facilidade recolher conhecimento que lhe permitirá tomar decisões mais acertadas em função das opiniões recolhidas.

Exemplo: Em 2009, questionei os assinantes do blog sobre que tipo de conteúdos gostariam de ver publicados no Web Marketing PT, e em função dos resultados, decidi dedicar mais artigos e atenção para os temas que as pessoas elegeram como mais importantes para eles.

Em 2010, renovei o blog e tenho pensado em alguns conteúdos para publicar, mas decidi que fazia sentido saber a opinião dos leitores sobre as modificações que fiz no blog e sobre a natureza dos conteúdos que os leitores consideram mais importantes para si.

Não me interprete mal, eu tenho ideias muito claras sobre o que quero para o blog, mas já agora, porque não ficar a saber quais os maiores interesses dos leitores e fazer incidir mais artigos e vídeos nesses temas?

Muitas vezes as ideias que temos pré-concebidas, não passam disso mesmo, e aquilo que pensamos ser verdade e do interesse das pessoas, afinal não é bem assim e passa completamente ao lado.

O que é que eu ganhei com isto?

Em vez de publicar artigos apenas baseado no que eu pensava que poderia eventualmente interessar aos leitores, dei-lhes voz, e ouvi a sua opinião, para com base nisso, publicar mais artigos que fossem de encontro às suas necessidades e expectativas, aumentando assim o seu grau de satisfação por serem assinantes do blog.

O que é facto, é que algumas pessoas leram uns artigos ou ebooks em inglês sobre email marketing e ficaram a conhecer a conhecida expressão “The money is in the list” (o dinheiro está na lista), e então, tentam simplesmente impingir os seus conteúdos, serviços e produtos aos seus leitores ou assinantes e declaram que praticam o “Email Marketing”.

A realidade é muito diferente::

The Money is NOT in the list. It’s in the relationship you have with your list!

O verdadeiro ouro, está na relação que você tem com os seus contactos. Aí sim, está o dinheiro!

Quanto melhor for a relação que você conseguir construir com os seus destinatários, tanto maior será o seu retorno. Quanto mais confiarem em si, mais facilmente aceitarão as suas sugestões e indicações. E isto não é um mito, é um facto!

Não se deixe iludir pelos pseudo-especialistas, que se limitam a enviar emails com auto-promoções ou a promover programas de afiliados para receber as suas comissões. Esses pensam apenas em engordar a sua própria carteira, à sua custa!

Não estou a querer insinuar que só aqui encontra informação útil sobre este (ou outro) tópico, longe de mim fazer tal presunção – até  porque já li bons artigos sobre email marketing em português – quero apenas alertá-lo para ser estar atento a este tipo de situações.

Moral da História

Email Marketing não se resume apenas ao envio de emails para a sua lista de clientes, prospectos ou assinantes. Nem tão pouco a promover produtos ou serviços em troca de uma comissão. O Email Marketing é a utilização do email, como canal privilegiado de comunicação, em que você pode fazer isto tudo e muito mais, mas em que deve ter sempre presente o seu verdadeiro poder – disponibilizar valor real para os seus destinatários e criar relações -  para mais tarde, poder colher mais frutos desse investimento.

E você já utiliza todo o potencial do Email Marketing no seu arsenal?

Related Posts with Thumbnails
  • http://netjan.com Jan Carle

    Olá João,

    Sempre é bom tecer comentários sobre seus artigos, que exemplifica de forma clara e objetiva o assunto abordado.

    Por uma incrível coincidência, estava com um post deste aguardando ser publicado, e quando recebi a notificação deste último post seu , então pensei: “porque não terminar?”

    E você foi muito feliz na colocação do tema, “o dinheiro está na lista”. Confesso que, quando inicie o email marketing em meus negócios online, fazia exatemente estas coisas que não se devem ser feitas.

    Mas ainda bem que o conhecimento traz luz e sabedoria para aqueles que o buscam.

    Mais uma vez meus cumprimentos pelo excelente artigo.

    Jan Carle

    P.S está devendo uma visita ao meu blog, hehehe, abraços.

  • http://www.webmarketingpt.com Joao Rodrigues

    Olá Jan,
    Obrigado, como você diz e bem, o conhecimento traz luz e sabedoria a quem o procura. De facto, é mesmo assim.
    Também neste tema, isso se aplica, não fosse o email uma das ferramentas mais úteis e pessoais de contacto.

    Abraço,
    JR

    PS: Aceitei o desafio e visitei o seu blog. Deixei inclusive um comentário :)

  • Luciana

    Oi João!
    Gostei mto da matéria! Eu realmente não sabia a importância de um email marketing.
    Recebo diariamente emails (de pessoas que trabalham na mesma área) “vendendo” seus produtos através desse canal. Pra te falar a verdade, nem tenho vontade de abrir o email. Só pelo título já sei do que se trata…publicidade.
    Acho chato ficar enchendo a caixa postal dos clientes com emails que eles nem se quer vão abrir.
    O certo seria fazer um email chamativo, com dicas, ou novidades da área, mas sem ficar vendendo os produtos na “cara dura”. Não é verdade?
    Abraço, Luciana.

  • http://www.webmarketingpt.com Joao Rodrigues

    Olá Luciana,
    Pois um dos problemas é exactamente esse, as pessoas (pensam que) sabem o que é email marketing, e depois só despejam emails para vender alguma coisa.
    Mas é tudo uma questão de educaçao (penso eu), e se assim for, à medida que as pessoas forem percebendo que essa não é a melhor prática e que conseguem obter melhores resultados de outra forma, aí começarão a mudar a sua forma de actuar.

    Abraço,
    JR

  • Pingback: Os melhores do mês de Julho | Info-Macross | Um blog sobre como criar blogs.()

  • Pingback: Email Marketing Bate Social Media Aos Pontos | Web Marketing PT()

  • http://www.blogsimplesassim.com Iúri

    Olá Joao,

    Muito interessante seu artigo!
    Eu tinha em mente que o E-mail Marketing era somente a venda (propaganda) através de e-mail, como muitos anúncios que recebemos.

    Eu tenho pensado há algum tempo em utilizar o Aweber para fazer EM, porém, como falei em outro comentário, o número de assinantes dos feeds ainda é baixo, então acho que a adesão não será muito alta. Quando você começou a utilizar o Aweber, o número de assinantes cresceu significativamente?

    Grande abraço!

  • http://www.webmarketingpt.com Joao Rodrigues

    Oi Iúri,

    Eu comecei a utilizar a Aweber logo no início do blog e posso dizer que os resultados são muito bons, pois os feeds não oferecem as mesmas capacidades e funcionalidade de uma ferramenta de email marketing com a Aweber.

    Conseguir “falar” com os seus assinantes, como eu já fiz com os assinantes do blog, e “falar” fora do blog, é algo muito importante e que potencia em muito a relação entre você e os seus assinantes.
    Abraço,
    JR

    PS: tenho um projecto em mente, que se correr tudo bem será lançado brevemente e poderá trazer novidades ao nível de serviços de email marketing e português. Fique atento :)

  • http://www.ganhardinheirocomblog.com Carlos Silva

    Muito bom este artigo. É o melhor que li sobre o que é o Email Marketing.

  • http://www.webmarketingpt.com Joao Rodrigues

    Olá e bem-vindo Carlos!
    Obrigado pelo comentário. Foi algo que achei importante dizer para esclarecer o verdadeiro conceito de email marketing, uma vez que existe alguma deturpação deste conceito.

  • Pingback: O Melhor Software de Email Marketing | Web Marketing PT()

  • Pingback: Melhorar a Sua Credibilidade e Notoriedade Online – Real Valor | Web Marketing PT()

  • Aureliano Fonseca

    Sublinho as palavras do Carlos Silva e acrescento..excelente e obrigado!

  • http://www.webmarketingpt.com Joao Rodrigues

    Olá e bem-vindo ao WMPT Aureliano!
    Obrigado pelo comentário.

  • http://comosite.blog.com/ Augusto Pascoal

    Muito bom este post. Será que me pode indicar um serviço gratuito de envio de emails onde possa editar minhas newsletters? Tenho procurado mas os programas que encontro exigem um servidor SMTP mas são todos muito limitados no envio de emails, por isso a razão desta minha pergunta.

    Agradeço seu artugo.

  • http://www.facebook.com/joaogpr Joao Rodrigues

    Obrigado Augusto!
    Pode testar a Aweber, que quanto a mim é o melhor. Acho que pode testar por 0 ou $1, o que é uma fortuna :)
    Veja o formulário verde na barra lateral do blog.
    Ou então, pode testar o Mailer Lite, que através do Web Marketing, tem acesso a 500 créditos gratuitos: veja aqui: http://www.webmarketingpt.com/email-marketing/oferta-para-leitores-novo-servico-de-email-marketing-em-portugues/

    Agora atenção, que muitas vezes vai-se pelo gratuito e pelo mais barato, e no que respeita ao email, o barato NÃO é o melhor.
    Não serve de muito mandar os emails se eles não chegam à caixa de email dos destinatários, e aqui o serviço que se utiliza é MUITO importante.

    Nesse aspeto, não conheço nenhum como a Aweber que tem uma taxa de entrega de 99%.

  • Hugo Pascoal

    É precisamente o que preconizamos no E-goi. Relacionamento é muito mais útil do que disparar emails, sem recorrer a segmentação. “Adivinhemos” o que o cliente/leitor quer e ele vai dar muito mais valor à nossa comunicação.

    Para quem começa bases de dados são sempre um problema. Não é a comprar 1 milhão de emails por xx euros que vamos lá. Dá trabalho. Segue um breve guia que embora tenha algumas coisas do senso comum, julgo que pode ajudar:http://www.e-goi.pt/custom/help/help_egoi_documento.php?id=117

    João, permita-me referenciar o plano gratuito de 500 subscritores do E-goi. Tem todas as ferramentas também disponíveis nas contas pagas e podem enviar emails de forma ilimitada para uma base de dados até 500 subscritores.

    Sugiro que experimentem. Aguardo o vosso feedback.

  • http://www.facebook.com/joaogpr Joao Rodrigues

    @google-a7a96138bca362f5dc2cb376567418c7:disqus Olá Hugo e bem-vindo ao Web Marketing!Ainda existe muitas pessoas que têm estas noções um pouco baralhadas e daí que seja importante educá-las e ensiná-las a fazer mais e melhor.

    Logo que me seja oportuno vou dar uma vista de olhos no guia.
     

  • Hugo Pascoal

    Está à vontade para fazer algumas experiências no E-goi. Se estiver disponível, podemos pensar numa oferta exclusiva E-goi aos membros/leitores do Web Marketing PT.

    Fica o meu email hpascoal@e-goi.com.

    Abraço a todos e prometo continuar a dar o nosso contributo sobre este tema.

  • http://www.facebook.com/joaogpr Joao Rodrigues

    Obrigado Hugo.
    Vou pensar no que poderia ser interessante e depois entro em contato.

  • Achei muito interessante o
    artigo. Muitas pessoas acabam afastando os clientes, em vez de aproximar, o que é o objetivo. Sobre as melhores ferramentas de e-mail marketing que estão falando antes, atualmente estou
    usando a Nitronews e recomendo muito! As mensagens são sempre entregues, é
    fácil de mexer, além de ter um plano de mailing free. Já usei outros e sempre
    tive algum problema, com a Nitronews me surpreendi positivamente, finalmente! O site
    deles é http://www.nitronews.com.br

  • http://www.webmarketingpt.com Joao Rodrigues

    Obrigado pelo comentário.

  • Henrique

    Olá, João! Parabéns pelo artigo e coragem em expor o que pensa. Concordo com você que email marketing não é apenas captar endereços e enviar emails a uma lista. Existe muito mais ciência ao redor disso. Acredito que quanto mais humana deixarmos essa comunicação, mais prazeorosa será, e em função disso, maior será também o engajamento dos leitores. Recomendo uma lida também no blog da Mailbiz onde tem muitos artigos bons sobre o assunto: http://www.mailbiz.com.br/ Abraço!